Portal Terra - 14 NOV 2019 
A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) emitiu nesta quarta-feira (13/11) uma advertência urgente ao Brasil diante de recentes ações dos poderes Legislativo e Judiciário que, segundo a entidade, ameaçam os avanços na luta contra a corrupção que tinham sido alcançados pelo país nos últimos anos.
3 desafios de Bolsonaro para criar o partido Aliança pelo Brasil
Grupo de Guaidó deixa Embaixada da Venezuela no DF após 12h

Write comment (0 Comments)

Nem a máquina de moer reputações impediu que Bolsonaro fizesse o que nenhum outro teve coragem
Jornal da Cidade -23/10/2019
Todos os outros presidentes sabiam da necessidade dessa reforma mas nenhum a levou a sério. Preferiam sempre empurrar para o próximo, ou simplesmente mentir que as contas públicas não sofreriam impacto.E há uma razão para isso: esse tipo de reforma é extremamente impopular. Ela afeta todos os brasileiros, faz todos pagarem pelos erros de administração de governantes passados. Um presidente que se disponha a fazê-la, vira alvo fácil de ataques de seus opositores.

Write comment (0 Comments)

O vice-presidente Hamilton Mourão disse nesta quinta-feira que, olhando agora, a decisão do líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó, de iniciar uma tentativa de depor o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, na terça-feira, "não foi a melhor".
Vice-presidente Hamilton Mourão no Rio de Janeiro 02/04/2019 REUTERS/Ricardo Moraes
Na manhã de terça-feira, Guaidó disse ter o apoio de militares para depor Maduro, mas autoridades do primeiro escalão das Forças Armadas declararam lealdade a Maduro, e confrontos entre apoiadores e opositores ocorreram em várias partes do país.

Write comment (0 Comments)

Militares venezuelanos pedem asilo na embaixada do Brasil em Caracas
Presidente Jair Bolsonaro na cerimônia pelos 100 dias de governo, no Palácio do Planalto, em Brasília - 

Militares venezuelanos pediram nesta terça-feira (30) asilo na embaixada do Brasil em Caracas, durante a rebelião em apoio ao líder opositor Juan Guaidó para derrubar Nicolás Maduro – informou uma fonte da presidência brasileira, sem detalhar quantos, de que patente, ou se foram aceitos.

Write comment (0 Comments)

Carvalhosa requer impeachment de Gilmar e pede que o povo pressione o Supremo
Carvalhosa denuncia que o Supremo procura esvaziar a Lava Jato
Julia Affonso - Estadão
O advogado Modesto Carvalhosa entregou nesta quinta-feira, 13, no Senado um pedido de impeachment contra o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, por crime de responsabilidade. O documento tem 150 páginas e anexos com outras 800 páginas. Após entregar o pedido na Casa Legislativa, o professor se reuniu com os senadores Lasier Martins (Podemos-RS) e Álvaro Dias (Podemos-PR) e como deputado Luiz Flávio Gomes (PSB-SP).

Write comment (0 Comments)

Onde comprar a 20ª reedição:

1 - Por email:

             averdadesufocada @ terra.com.br

2 - Por Telefone:

            (61) 3468-1427 /(61) 3468-2796

3 - Livrarias:

           Cultura (Brasília, SP, Porto Alegre, Salvador, RJ e Recife), Leitura, Shopping Cidade/BH;

           Livraria do Bernardo   https://livrariadobernardo.com/a-verdade-sufocada

           Livraria Terça Livre https://livraria.tercalivre.com.br/a-verdade-sufocada

           Grupos livreiros de Curitiba;

           Amazon;

           Cedet;

           Livrarias Curitiba;

           Loyola;

           Martins Fontes;


* SOMOS A ÚNICA DISTRIBUIDORA DO LIVRO

Write comment (0 Comments)
Palocci é condenado na Lava Jato a 12 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro
O juiz Sérgio Moro determinou o confisco de US$ 10,2 milhões e a interdição do ex-ministro de exercer cargo ou função pública pelo dobro da pena. Cabe recurso. Outras 12 pessoas foram condenadas.
Por Fernando Castro, Thais Kaniak e Amanda Polato, RPC Curitiba, G1 PR e G1 SP
26/06/2017 Ex-ministro Antonio Palocci foi preso em setembro de 2016 pela Operação Lava Jato (Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters) Ex-ministro Antonio Palocci foi preso em setembro de 2016 pela Operação Lava Jato (Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters)
O juiz federal Sérgio Moro – responsável por ações da Lava Jato na primeira instância – condenou o ex-ministro Antonio Palocci (PT) a 12 anos, 2 meses e 20 dias de reclusão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Outros 12 réus também foram condenados. Entre eles, está Marcelo Odebrecht, ex-presidente do Grupo OdebrechtO juiz federal  Sérgio Moro  - responsável por ações  da Lava Jato na primeira instância - condenou o ex-ministro  Antônio Palocci (PT) a 12 anos, 2 meses e 20 dias de reclusão pelos crimes  de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
 
Write comment (0 Comments)

Subcategorias

The latest news from the Joomla! Team