Matéria recebida por e-maill:
No Jornal Nacional, edição das 20:30 de hoje, foi apresentada, em poucos segundos, uma passeata de protestos em Ipanema e no Leblon, cerca de 500 participantes, como sempre, contra Sérgio Cabral. Uma cena, focada rapidamente e que por isso que deve ter passado despercebida pela maioria dos telespectadores, chamou-me a atenção: um pequeno grupo de jovens portavam uma faixa com dizeres contra a “DITADURA MILITAR e o DOI CODI”.

Passou-me pela cabeça a ideia de que são do Levante Popular da Juventude, talvez alguns dos que participaram do assédio ao Clube Militar dia 31 de março do ano passado. Se não forem do LPJ, é quase certo que participam dos grupos que têm realizado atos de vandalismo durante as manifestações de rua.

Considerando que o EB fará a segurança do evento de amanhã à noite em Copacabana (missa a ser celebrada pelo papa) em que estarão presentes os presidentes do Brasil, da Argentina e da Venezuela, não pode ser desconsiderada a hipótese de estar sendo preparado um confronto com a tropa do EB. O objetivo do confronto é mais do que evidente:  incompatibilizar o Exército com o povo, tal como vem ocorrendo com a Polícia Militar. Gilberto Carvalho já deu a senha dos atos de vandalismo: “ EM 2013 O BICHO VAI PEGAR ” ...  

Os serviços de informações das Forças Armadas precisam entrar em alerta total e o general comandante da operação deve estar preparado para reagir, com energia e serenidade, às provocações. Será inadmissível que se deixe surpreender pelo inimigo.

 

Comments powered by CComment

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar