Manifestantes fazem “escracho” na Avenida Paulista 
 O Globo - Tatiana Farah
Em ato, grupo acusa presidente da CBF de ter delatado Herzog
Manifestantes atravessaram Avenida Paulista até condomínio do cartola, na Zona Sul
Tatiana Farah
Manifestantes fazem “escracho” na Avenida Paulista O Globo / Tatiana Farah
SÃO PAULO - O Levante Popular da Juventude realizou neste domingo, com movimentos sociais de esquerda, um escracho público diante do apartamento do presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marín.
texto completo
Um grupo de cerca de 120 pessoas atravessou a Avenida Paulista, região central da capital paulista, entoando palavras de ordem até o condomínio de luxo do dirigente, na Zona Sul. Marín foi acusado pelos manifestantes de ser delator do jornalista Vladimir Herzog, o Vlado, assassinado em 1975 pela ditadura militar. Marín era, na época, deputado estadual pela Arena, que apoiava o regime.
Segundo os manifestantes, ele teria denunciado ao Comando de Caça aos Comunistas o trabalho crítico de Herzog à frente da TV Cultura. O dirigente também foi lembrado como vice-governador biônico de Paulo Maluf, a quem substituiu entre 1982 e 1983. Na ocasião, ele teria subido à tribuna da Assembleia Legislativa de São Paulo para defender a atuação do delegado Sérgio Paranhos Fleury, do Dops.
— Olha a cabeleira do Zezé. Será que ele é? Dedo-duro! — cantaram os manifestantes, que pediram que o dirigente os recebesse; segundo os seguranças do condomínio, Marín estava viajando.
— Marín, aguarde essa juventude nos sorteios da Copa, nos estádios. O dedo de Herzog estará apontado para você — discursou Aton Fon Filho, do Comitê Paulista Memória, Verdade e Justiça.
Observação do site www.averdadesufocada.com
O movimento  Levante Polpular da Juventude ( braço  do Movimento Comunista Internacionalista - MCI ) é originário do Rio Grande do Sul, e começou  em 2006. Tem entre seus organizadores a Via Campesina, além de vários movimentos similares, como o MST, Pastoral da Terra, etc.
No momento já existem várias células pelo Brasil.
Desde o começo do ano, reuniões têm  sido feita em 17 estados para angariar novos adeptos e expandir o movimento.
Carolina Dias, estudante de Ciências Sociais da UFRJ, participa da Articulação Nacional e  é uma porta voz do "Levante Popular", grupo que organiza os " escrachos" , como chamam os protestos em frente às residência dos agentes do Estado que, supostamente, participaram da repressão à luta armada.  
Conheça o Levante popular visitando os endereços abaixo: 
 1  http://www.averdadesufocada.com/index.php?option=com_content&task=view&id=7118&Itemid=104
2-http://www.averdadesufocada.com/index.php?option=com_content&task=view&id=6730&Itemid=104
Entre no site - Menu, em Busca -, digite Levante Popular  e encontrara´36 matérias sobre o assunto

Comments powered by CComment

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar