Soldados atendendo população desabrigada
d
urante enchente . Doação de gás, roupas e
mantimentos.

Direitos humanos integrarão conteúdo programático das escolas de formação militar
Ministério da Defesa - 01/11/2011
                                     xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
 Observação do site
 www.averdadesufocada.com
Excelente ideia que tenho certeza a sociedade brasileira gostaria de ver sendo exigido nos currículos dos médicos e funcionários dos hospitais públicos, dos pofessores das escolas públicas, dos agentes penitenciários, enfim, matéria obrigatória nos currículos  dos funcionários de reparticões públicas de uma maneira geral.
                                       Texto completo
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 
As Forças Armadas irão incluir no currículo de suas escolas de formação uma disciplina específica para tratar da questão dos direitos humanos. A medida consta da Estratégia Nacional de Defesa (END), aprovada em 2008. O documento considera a iniciativa mais um passo para a identificação dos militares com o povo brasileiro.
Coordenado pelo Ministério da Defesa (MD), um grupo de trabalho formado por representantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica estudou o tema. Na última sexta-feira,o documento final foi encaminhado pelo MD para as Forças Armadas.
Os militares que participam de missões de paz e de garantia da lei e da ordem serão os primeiros beneficiados com a medida. As aulas, obrigatórias, serão ministradas a partir de janeiro de 2012. A disciplina será oferecida em três módulos. Um deles cobrirá a legislação brasileira sobre o tema. Os demais tratarão dos acordos, diretrizes e decisões de organismos internacionais e do direito internacional sobre conflitos armados.
As escolas de formação de graduados e oficiais irão desenvolver o conteúdo programático da disciplina durante o primeiro semestre de 2012, a partir de material fornecido pela Assessoria Jurídica do Ministério da Defesa e pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE). O conteúdo será aplicado em sala de aula a partir de janeiro de 2013.
Desde a promulgação da Constituição de 1988, as aulas de direito foram valorizadas nas escolas militares de formação. Atualmente, cada força usa critérios próprios para o ensino de direitos humanos. Com a nova sistemática haverá um conteúdo programático único que levará em consideração as necessidades atuais relativas ao assunto.
 
 

Comments powered by CComment

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar