Convidada de honra e recebida efusivamente !
Como pintos no lixo
 Editoria do site www.averdadesufocada.com
Lula desconversou, disfarçou e quase  ao apagar das luzes, assinou a permanência de Battisti no Brasil. Para quem não lembra, Battisti, militante do PAC - Partido Armado Comunista -, assassinou quatro cidadãos italianos. Ele, segundo Tarso Genro, não poderia ser extraditado - os  assassinatos foram praticados "com fins políticos".
 .
Existem outros casos no Brasil, como o padre Medina, das Farcs , cuja mulher foi nomeada  por Dilma para um cargo no governo de Lula.
 
  À espera da absolvição, que segundo Lula e ele,
  será questão de tempo...
 
São atos justificáveis para Lula, é necessário agradar a extrema esquerda
O último ato do governo Lula foi declarar a ex-ministra Erenice Guerra inocente. Como todo mundo lembra, Erenice havia sido demitida da Casa Civil e, como admitem alguns , o escândalo promovido por denúncias de tráfico de influência, envolveram funcionários da  Casa Civil , os filhos e o marido de Erenice e acabaram levando a eleição para o segundo turno.
Lula deixou para a nova presidente a demissão de toda a diretoria dos Correios que tinha sido nomeada por influência da ex--ministra.
Nada de punições para 'mensaleiros", "aloprados" e outros acusados de irregularidades em seu governo.
Muitos deles, livres, leves e soltos, como Erenice e José Dirceu, na posse de Dilma Rousseff, pareciam pintos no lixo...
Adicionar comentário