Farc: Dilma terá importante papel na paz na região
O Globo 13/11/2010
Flávio Freire
SÃO PAULO. As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) divulgaram ontem comunicado em que afirmam que a eleição de Dilma Rousseff (PT) à Presidência aumentou a esperança do grupo de alcançar a paz pelo diálogo e a Justiça social.

Divulgada no site da Agência de Notícia Nova Colômbia (Anncol), a mensagem saúda a eleição de Dilma, “uma mulher sempre ligada à luta pela Justiça”. As Farc salientam que a paz na América Latina ganhou reforço com a eleição da petista, que tem “pública convicção” da necessidade de uma saída política ao conflito interno da Colômbia. Não há, no comunicado, declaração de apoio ao governo eleito no Brasil.
“Sua exaltação à Presidência, somada à sua pública convicção da necessidade de uma saída política ao conflito interno da Colômbia, centuplicou nossa esperança na possibilidade de alcançar a paz por intermédio do diálogo e da Justiça social”, diz o comunicado, que tem como procedência “as montanhas da Colômbia” e é atribuído ao secretário do Estado-Maior Central das Farc, mas sem nome ou assinatura. Ainda segundo o texto, Dilma terá “papel determinante na aclimatação da paz regional e na irmandade dos povos do continente”.
A relação do PT com as Farc foi explorada na campanha eleitoral. Indio da Costa (DEM), candidato a vice na chapa de José Serra (PSDB), ligou o PT ao grupo rebelde e ao narcotráfico. Na ocasião, declarou: “Todo mundo sabe que o PT é ligado às Farc, ligado ao narcotráfico, ligado ao que há de pior. Não tenho dúvida nenhuma disso”.
 

Comentários   
#2 Marcelo Correa 26-03-2016 23:00
Em sendo verdadeiro o texto acima, podemos inferir a laia dessa governante, portanto, se hoje o país ronda a beira do caos, não é preciso buscar a causa disso na crise internacional, inexistente às nações sérias e obreiras.
#1 Valdeke Silva 30-12-2014 19:07
As FARC não podem esquecer que agora Dilma Vana Rousseff não é mais uma guerrilheira e sim a Presidente do Brasil.Não vamos deixar que ela ajude esta facção criminosa.Nós, a sociedade estamos de olho!
Adicionar comentário