O HOMEM E O MOMENTO
Emilio Nina Ribeiro
Quando estourou o Escândalo do Mensalão, Lula era "um homem ao mar". Encolhia-se e fugia dos jornalistas, justificando que "não sabia de nada". Apesar de tudo se passar nas suas barbas, nas antesalas do Gabinete Presidencial, Lula repetia que não sabia de nada, como uma simples avestruz que mete a cabeça na toca para não tomar conhecimento do perigo que a rodeia.


Texto completo
Mas afinal o que faz um Presidente que não toma conhecimento de fatos tão graves que até determinaram a cassação do Ministro José Dirceu. Mas aí faltou a Oposição.  Dócil, complacente, insegura, talvez aguardando melhores momentos,a Oposição deixou escapar a Oportunidade de Ouro de pedir o Impeachment, concientizar e esclarecer a Nação e nocautear de vez o Companheiro da Farc no Foro de São Paulo. Discursos tíbios no Congresso e atitudes evasivas e contraditórias, permitiram que o adversário ferido se levantasse.
Beneficiou-se também do esquecimento fácil da nossa Opinião Pública e a oportunidade passou sem esperar mais nada.
Que falta nos fez o gênio de um tribuno como Carlos Lacerda, que do alto do poder cintilante de sua palavra, como uma força da Natureza, faria, se vivo fosse, sair fugido e escorraçado, com desprezo geral, o "Genial Burguês" , hoje travestido em "Pai dos Pobres" e que bem podia ser chamado de "O Rei do Mensalão".

O Autor é  Vice-Presidente do Ternuma (Terrorismo Nunca Mais) e membro do Instituto dos Advogados Brasileiros - www.ternuma.com.br

Comments powered by CComment