Olivério Medina01. As Farcs são internacionalmente identificadas como organização terrorista e narcotraficante.

02. O "padre" Medina depois de matar e seqüestrar veio para o Brasil. Isso em 1997. Entrava e saía. E quem sabe trazia drogas.

03. Em 20005 foi preso. Mas aí o governo do PT-Lula lhe deu status de Refugiado Político.

04. Resultado: agora o STF não pode autorizar sua extradição.

05. Um carinho do governo do PT ao terror. E um atrativo para usar o Brasil como base.

Por Ex-Blog do César Maia


 

Estado de SP
STF nega extradição de ex-dirigente das Farc

O Supremo Tribunal Federal negou pedido de extradição do colombiano Francisco Antonio Cadena Colazzos, o Padre Olivério Medina, e também decidiu pelo fim de sua prisão domiciliar, que cumpre em Brasília. Os ministros do STF entenderam que a condição de refugiado - concedida no ano passado - impede a extradição. Ex-dirigente das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), é acusado em seu país de ter comandado ataque a unidade do Exército, quando dois militares foram mortos e 17 seqüestrados. Segundo o STF, a condição de refugiado impede pedido de extradição baseado em fatos que fundamentaram a concessão de refúgio.
Adicionar comentário