O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), criticou a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar a condução do Governo Bolsonaro no enfrentamento da pandemia da Covid-19.

Durante a realização de evento da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), na cidade de Arapiraca, em Alagoas, Lira afirmou não ser esse o momento de “apontar o dedo para ninguém”.

“A CPI não nasce à toa. Tem de ter um fato determinado e tem de ter as assinaturas. E ela tem de ter a ocasionalidade. Eu comungo da ideia de que esse momento não é momento de se encontrar culpados, de se apontar o dedo para ninguém”, disparou.

A instalação da CPI foi determinada pelo ministro Luis Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quinta-feira (8).

Comments powered by CComment