Jornal da Cidade - 20/08/2019 
Me pergunto em que realidade a esquerda vive? Um sequestro, terminando com o melhor desfecho possível (bandido morto e todas as vítimas salvas e ilesas) não é o suficiente para trazer alegria a este pessoal. Aliás, estão chamando isso de tragédia (!?!)
PSOL e praticamente toda a esquerda nacional, estão neste momento procurando defeitos na ação para pode atacar a polícia ou o governador. As 37 pessoas que irão voltar para as suas famílias, sequer são lembradas. Como elas não morreram, fica difícil utilizá-las para o jogo político.
Parabéns à polícia do RJ e ao governador. Acabou a era de romantizar o crime e de só lembrar das vítimas se a morte delas servir para atacar adversários políticos.

Comentários  
#1 Vaulber Pellegrini 21-08-2019 14:39
Eles sempre torceram pelos bandidos. O partido é composto do que mesmo?
Adicionar comentário