Ex-presidente está preso na carceragem da Polícia Federal na capital paranaense desde abril de 2018.
O Juiz Paulo Eduardo de Almeida Sorci, coordenador e corregedor dos presídios de São Paulo, autorizou nesta quarta-feira, 7, a transferência do ex-presidente Lula para a penitenciária II de Tremembé, no Vale do Paraíba, interior paulista. Em despacho, de 14 linhas, Sorci se refere à decisão da juíza Carolina Lebbos da 12ª Vara Federal de Curitiba, que acolheu pedidos da Polícia Federal e da defesa, e permitiu a transferência do petista para São Paulo.

No despacho, divulgado no início da tarde, Sorci defere o requerimento de Carolina Lebbos e autoriza a transferência do petista de Curitiba para a Penitenciária II de Tremembé, no Vale do Paraíba. 
A transferência do ex-presidente para outro estabelecimento fora solicitada pela própria PF, que alegou transtorno ao funcionamento do órgão por conta da aglomeração de pessoas no entorno da superintendência e do grande dispêndio de recursos para lidar com o grande número de visitas ao apenado.
"Em relação ao local de custódia,  "a situação ora verificada tem trazido, a cada dia, contínuo e crescente prejuízo ao interesse público, com o emprego de recursos humanos e financeiros destinados à atividade policial na custódia do apenado".

Ao determinar a transferência para São Paulo, Lebbos atendeu a um pedido da defesa, que argumentou ser aquele o estado de residência da família de Lula. Porém, a defesa critica a decisão, alegando que a Justiça não assegurou uma Sala de Estado Maior para Lula em São Paulo.

O Ministério Público Federal (MPF) havia se manifestado contrário à transferência, entre outros argumentos por Lula ainda responder a outras ações penais na Justiça Federal do Paraná. 
Essa é a única condenação em segunda instância do petista até agora -- Lula, porém, enfrenta outros processos.

Comentários  
#2 Vaulber Pellegrini 08-08-2019 17:01
Mas será que o bando, cambada, caterva, corja, malta, súcia ou chusma representado pelo STF, iria deixar que o “Doutor Honoris Causa” mor deste país, ser transferido para um presidio como o de Tremembé 2. ?
#1 Augusto Cesar Barros 07-08-2019 23:34
Pena que o STF já revogou a decisão de transferência para o Presídio. O STF é ágil em amalisar demandas judiciais impetradas pelos advogados do LULADRÃO
Adicionar comentário