6/02/13 - Parte da sentença do juiz Gustavo Santini Teodoro
Continuando  sobre o assunto A VINGANÇA DOS DERROTADOS 3
Escrito por joseita Bbrilhante.Ustra
Publicado: 26 Fevereiro 2013
Acessos: 4339
A respeito da matéria publicada no Globo de domingo sob o título ; " Dor acompanha filhos de presos torturados ", na parte a que se refere a reportagem ao Cel Ustra ( caso Janaina e Edson Teles) leiam abaixo parte da sentença do Juiz Gustavo Santini Teodoro no processo que a família Teles move contra o coronel Ustra

" 2.4. Entretanto, a prova testemunhal ficou muito vaga quanto aos autores Janaina de Almeida Teles e Edson Luis de Almeida Teles, então menores de idade, filhos dos autores César Augusto e Maria Amélia. Realmente, as testemunhas não viram Janaina e Edson na prisão. Ninguém soube esclarecer se os então menores realmente viram os pais com as lesões resultantes das torturas. Nada indica que eles teriam recebido ameaças de tortura, ou sido usados como instrumento de tortura de seus pais. Mesmo o relato do réu em seu livro “Rompendo o Silêncio” não corresponde a uma confissão (fls. 17), pois, ainda que por dedução e indução facilmente se possam identificar os nomes das crianças mencionadas na narrativa, não há reconhecimento da prática de tortura contra elas, ou da utilização dos infantes como instrumento de tortura de seus pais. JULGO IMPROCEDENTE o pedido formulado pelos autores Janaina de Almeida Teles e Edson Luis de Almeida Teles, os quais, porque sucumbentes, arcarão com custas, despesas processuais e honorários dos advogados do réu, fixados estes, de acordo com a norma já invocada, em dez mil reais, com atualização monetária pela tabela prática a partir desta sentença. P.R.I. São Paulo, 7 de outubro de 2008. GUSTAVO SANTINI TEODORO Juiz de Direito "
xxxxxxxx
Os senhores que acabaram de ler a sentença do Juiz a respeito deste assunto, agora vejam parte da matéria capciosa e mentirosa do Jornalista Thiago Herdy onde acusa o cel Ustra de torturar psicológicamente e de prender os filhos da Ana Maria Amélia Teles. Continua amanhã. Temos assunto para muitos ias. 

Adicionar comentário