A Verdade sobre a Ditadura Militar 
 Por Carlos I. S. Azambuja - Artigo no Alerta Total –  

                           Não sei quem foi o autor deste texto, mas assino em baixo!
                                   
     Em todos os aniversários do início do regime militar, recebemos uma propaganda maciça, pela mídia, sobre as atrocidades que teriam sido cometidas pela ditadura militar. Existiu guerrilha e excessos? SIM, de ambos os lados.
Quer saber de verdade como foi  a ditadura militar? É simples!

Não leia livros a favor ou contra. Um professor meu costumava dizer que “o papel aceita tudo, haja vista o papel higiênico”. 

Não ouça os políticos do PT. Eles são inimigos dos militares e dificilmente diriam a verdade; aliás, temos visto o PT mentindo muito, sobre o mensalão, petrolão, dinheiro na cueca, e outros trambiques que, diariamente, estão surgindo graças às delações de Marcelo Odebrecht.
 
Não ouça também os MILITARES. Eles normalmente não mentem, mas poderiam calar para se protegerem.
 
Esqueça os locutores de noticiários. Eles são pagos para dizer o que os outros querem que você escute.
 
Mas, então, como vamos saber a VERDADE?
 
Eu disse que é simples: pergunte ao vovô e à vovó! Isso mesmo, pergunte às pessoas com mais de 65 ou 70 anos! 
 
Pergunte a eles como foi a época da ditadura militar.
 
Pergunte se eles alguma vez sentiram que não tinham liberdade. Pergunte se podiam ir aonde quisessem.
 
Pergunte se eles se sentiam em segurança, se podiam sair à noite, ou mesmo de dia. Se podiam sentar-se na pracinha, sem medo de assaltos.
 
Pergunte se tinham medo de assaltos à mão armada em suas casas.
 
Pergunte se alguma pessoa honesta/correta/trabalhadora foi presa pelo DOPS ou pelo DOI. As pessoas de bem nada tinham a temer.
 
Pergunte se havia bandido famoso nas ruas, nos presídios ou nos palácios governamentais. Se presidiários com tornozeleiras andavam soltos, assaltando, matando, estuprando.
 
Pergunte se algum presidente ou algum de seus familiares enriqueceu rápida e surpreendentemente.
 
Pergunte se a esquerda, que sempre vasculhou os arquivos daquela época, descobriu algum ato de corrupção, roubalheira, superfaturamento de obras ou outras bandidagens,
 
Pergunte se o governo militar desviava dinheiro público (saúde, educação, etc) para financiar obras em sangrentas ditaduras, como em Cuba, Venezuela e Bolívia.
 
Pergunte como eram as escolas de ensino fundamental e médio. As escolas públicas eram as melhores, mais concorridas e havia eqüidade de oportunidades.
 
Você, então, irá descobrir a verdade. Não a que uma medíocre Comissão da Verdade composta por simpatizantes da esquerda tentou colocar na cabeça dos jovens.
 
Pergunte se havia “sou dimenor. não toque em mim”, assaltando e assassinando inocentes.
 
Para que você possa descobrir a VERDADE, não vou escrever o que eu quero que você descubra sozinho.
 
Só lhe digo que tenho mais de 80 anos e que aquela foi a melhor época da minha vida.
 
Quando você descobrir uma verdade diferente da que passam na TV e em determinada imprensa não deixe de repassá-la a todos que puder.
                                           
 
 

 
   

 

Comentários  

+2 #4 EDUARDO TEIXEIRA DE 21-08-2018 22:21
Melhores anos de minha vida! Arrependo de ter vibrado com as "Diretas Já", maior engodo do País! Hoje a mídia fala em fake news, pois é justamente a maior usina de fake news sobre o regime militar!
Alguém pensou na hipótese da vitória do comunismo naquela época? Teríamos vivido 25 anos de profunda escuridão como a Russia, o leste Europeu, etc...
Necessitamos de Ordem e Progresso, situação impossível com os canalhas que dominam o poder desde a Ditadura Civil de 86'.
+20 #3 Ilê 31-12-2017 18:05
Eu só quero saber a verdade e acredito no meu futuro Presidente Bolsonaro pois vejo nele muitas verdade essa mídia é desgraçada
+1 #2 Robert 24-12-2017 16:30
Jocirlhei, não vai acontecer um golpe militar, pois folpe militar no Brasil nunca houve (pelo menos não em 1964, basta ler os jornais da época que você encontra facilmente no google). Quanto a sua segurança, agradeça a todos aqueles que bateram palmas para o “estatuto do desarmamento”.
+1 #1 Jocirlhei 27-11-2017 09:54
Bom dia gostaria de saber o é preciso acontecer mais para que podemos contar com uma intervenção militar no país fui roubado ontem nunca me centi desprotegido nem fui a delegacia ja sabia do do resultado ia me pergunta se tinha suspeitas e ia investigar i se encontra se oque não acredito iam prender e soltar supricamos por intervenção não vejo outra saida me desculpe as faltas de pontos e que sei que ta faltando

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar