Não só militares mas todo o povo estava lá
 Canadenses dão aula gigantesca de civismo e patriotismo ao receber seus soldados mortos no Afeganistão, com 160km de pessoas pelas ruas do país.

Por Luiz Mergulhão
O Brasil jamais tratou bem seus heróis em tempo algum. Tratou mal Caxias que não só pacificou e manteve a atual integridade nacional quando os demais países de língua espanhola se repartiram em dezenas de nações. Caxias acabou falecendo em função de malária e outros males das intensas e cansativas viagens no século XIX.

Texto completo e muitas fotos.

Não tratou bem muitos outros heróis da Guerra do Paraguai e Osório foi uma exceção já que era quase um mito para a população de norte a sul.

 

A chegada do avião

 

 

Na segunda guerra deixamos enterrados na Itália e depois transladados para o Monumento dos Mortos no aterro do Flamengo, milhares. E mesmo os que votaram foram ignorados pelo povo e até pelo governo como o nosso Major Apollo(Brasileiro mais condecorado da segunda guerra.). Em seu enterro em janeiro de 1999, havia um representante (Adido Naval) do governo americano, pois ele possuía duas medalhas daquele país e nenhum do nosso governo do qual ele possuía todas as quatro medalhas de guerra.

 

 

Abertura do compartimento de cargas

 

Mas as fotos que vemos aqui são do Canadá e nem fazem referência ao Brasil e sim à França onde na ocasião, 14 soldados franceses foram mortos no Afeganistão e os franceses nada fizeram enquanto os canadenses, em todo o trajeto do aeroporto na base militar de Trenton até Toronto, 160 km distante, todos se postaram em respeitosa continência...

 

Surge o primeiro ataúde coberto com a bandeira canadense

 

As fotos valem mais do que mil palavras, logo...

 

O ataude é carregado pelos militares até o carro funerário
.
Segue o cortejo fúnebre e recebe continência de milhares pelo caminho
.
Não só militares mas todo o povo estava lá
.
Os bombeiros páram e saltam para saudar seus heróis
.
A posição respeitosa dos bombeiros que lá, são civis
.
Polícia Rodoviária (saltam e saúdam)
.
No trajeto de Trenton a Toronto há 50 pontes...
.
Em todas as pontes...

 

Todos querem render sua última homenagem aos que tombaram pela pátria
.
Todos páram respeitosamente...
.
Multidões intermináveis
.
Todos estavam lá...
.
Sem palavras
.
O último adeus
.
Exemplos de patriotismo, civismo e, principalmente, respeito
.
Uma família...
.
E no cortejo, os familiares a tudo assistiam comovidos e confortados
.
160 km de silenciosa manifestação

 

Já se aproximando de Toronto
.
Mais e mais...
.
A polícia metropolitana
.
Anoitecia quando chegaram nas imediações de Toronto
.
As pessoas paravam nas ruas de Toronto...
.
O fim da jornada e a última morada dos soldados tombados no Afeganistão

 

Nós não temos guerras mas temos milhares de soldados brasileiros em missões da ONU como no Haiti. 

 

E amanhã. O que fará você quando um dos nossos chegar morto por ter servido à pátria?.

 

 

 

Fonte:
http://www.sangueverdeoliva.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=393&Itemid=36

 

Comments powered by CComment

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar