A atual realidade brasileira nos mostra claramente que Brasília transformou-se no esgoto da política brasileira. Arraigados no poder encontram-se os traidores e vendilhões da pátria, disfarçados em oposição democrática, corruptos, grandes e pequenos e também os aproveitadores dessa canalha escondida em uma Democracia de araque e sustentada por eleições fraudulentas. Cinicamente arrotam uma legalidade para roubar, mentir, institucionalizar a propina e também desfazer-se do Patrimônio Público a valores bem inferiores aos de mercado. A Nação brasileira está em desacordo com o atual status quo e tal opinião ficou evidente com os milhões de brasileiros que compareceram às caminhadas feitas em todo País exigindo mudanças.

 

Se um General de Exército não pode fazer crítica a um Governo ridículo que pensa poder armazenar o vento, quem pode falar? O que ele disse é mentira? Se não é, porque a punição? Saibam todos os políticos, corruptos ou não, que é impossível desrespeitar um General de Exército sem desrespeitar todos os Generais, da ativa ou da reserva, e também os Almirantes, os Brigadeiros, todos os coronéis, capitães, tenentes, sargentos bem como todos os cabos e soldados.

Não se pode falar em Democracia ignorando a hierarquia e a disciplina dentro das Forças Armadas. Há muito tempo o desrespeito às Forças Armadas é amplamente divulgado pela mídia acomodada ou comprada, sem que haja uma resposta de um militar de alta patente.

Em artigo publicado num jornal de grande circulação, o jornalista Zuenir Ventura assina um artigo com o título: “Nem como nem sem farda”, ou seja, nenhum militar ou civil, melhor dizendo, nenhum brasileiro, pode analisar e tentar corrigir todos os erros e abusos de poder executados pela atual máfia que se instalou no poder. Será que está sugerindo que a solução possa vir de um estrangeiro, ou de Deus, em quem ele, certamente não acredita. Esse jornalista conclama as pessoas a adotarem uma posição de omissão ou um silêncio comandado pelo medo. Será que ele pensa que a covardia é uma característica dos brasileiros? Para ele tal omissão é uma legalidade garantida num regime democrático. Nossa opinião e que se trata de uma artigo encomendado ou resultado de uma ignorância da realidade nacional. Além disso esse jornalista não sabe que é exatamente nos momentos de crise que surgem os grandes líderes. O que eles fazem depois é problema das Sociedades envolvidas. Bastaria conhecer um pouco de história para não escrever tanta besteira em um jornal que merece respeito.

A defesa de uma Intervenção Cívico Militar, apresentada em outro artigo, com certeza seria taxada de GOLPE CONTRA A DEMOCRACIA pelos atuais integrantes locupletados no poder e que só deixarão as suas posições pela força. A retirada dessas pessoas seria legíima, pois representa a vontade do povo brasileiro, referencial maior em uma verdadeira Democracia. Nós chamaríamos tal intervenção de contragolpe. Golpe é alegar legalidade no resultado de eleições fraudulentas. Golpe é o roubo do dinheiro público desde que seja cumprida uma legalidade, “leis”, preparadas para a realização do assalto. Golpe é falar em direitos humanos para assassinos, ladrões, corruptos e corruptores. Golpe é legislar para que haja impunidade dessas pessoas escondidas pela legalidade. Aliás, a legalidade é o maior alicerce para possibilitar a impunidade para todos os crimes cometidos contra o povo brasileiro, o patrimônio público, ou contra nossas Instituições ou Órgãos de Administração Pública, Federal, Estadual ou Municipal.

Um grupo de patriotas, civis e militares, apresentarão uma forma para legitimar a intervenção cívico militar necessária e imediata.

 

ERCIO BRAGA

Brigadeiro do Ar Reformado

Comentários  
#18 Carlos Raos 15-11-2015 19:05
Prezado Brigadeiro Ercio, seu artigo está totalmente correto, mas onde estão os que podem, E DEVEM, parar essa sangria do país? Onde estão os que podem, E DEVEM se impor aos comunistas? Onde estão os ÚNICOS que podem, E DEVEM, frear essas falsos movimentos de sem terra? Onde estão os que são a segurança do povo que é contra os BANDIDOS? Minha sugestão é que as Forças Armadas façam uma pesquisa, isenta de ideologismos, e veja a real vontade do povo, mas não uma pesquisa com 100 ou 200 pesquisados, e sim uma pesquisa com dezenas de milhares de brasileiros. Se a resposta for a deposição dos BANDIDOS, que seja feita a DEPOSIÇÃO DOS BANDIDOS.
#17 Valdeke Silva 05-11-2015 22:48
Golpe, ou não, agora que os as Forças Armadas aceitaram um comunista como chefe supremo, a única saída é pelo uso da força. Infelizmente, é a única solução para acabar com este estado de coisas.
#16 Francisco Cioffi 05-11-2015 07:08
Parabéns Brigadeiro Ercio Braga.

Vou imprimir e guardar esse seu artigo, pois, é histórico, mostra toda a realidade do desgoverno que vivemos infelizmente. Assim como o Senhor e outros tantos brasileiros militares e civis, sinto profundo amargor por ver essa verdadeira corja vermelha no poder destruindo o país !
Isso não pode ficar impune, a situação extrapolou em muito, se comparado com o débil desgoverno também de João Goulart !
Punir o General Mourão e não punir o Sr. Aldo Rabello por incitar seus camaradas a defender o desgoverno Dilma na televisão em propaganda partidária é um acinte ! A própria denuncia partindo de quem partiu de um envolvido no Petrolão, em escândalos da CPTM em S.P. partindo de u m assaltante terrorista já configura o tamanho da aberração dessa medida.
#15 Mauro Menezes 05-11-2015 00:36
E que seja o quanto antes. Estou pronto para colocar minha farda e pegar meu fuzil. Não faço questão das insígnias. Of. R2 CPOR
#14 Francisco Cioffi 04-11-2015 13:03
Há muito tempo que o Brasil deixou de ser uma democracia. O que temos hoje é uma Plutocracia, é isso mesmo, uma verdadeira máfia no poder e diga-se, que conta com grandes setores da imprensa, inclusive jornalistas, haja visto o que escreveram a notória Mirian Leitão e o "tão combativo" do PT Reinaldo Azevedo da Veja sobre a fala do General Mourão !
#13 Mioto 04-11-2015 08:11
O país está afundando perigosamente. A omissão militar, se esperar pelo caos total, causará um prejuizo à sociedade brasileira nunca visto na história deste país. A desculpa de que a nação vive plenamente a normalidade democrática e que cabe à classe politica - muito corrompida- resolver toda a desordem que aí está, causada por eles mesmos, já não é aceita pela sociedade. O povo vai cobrar duramente das FFAA os prejuizos que vierem, por essa omissão.
#12 Paulo Ranzollin 04-11-2015 07:23
Que suas palavras, nobre e grande bom militar, sejam materializadas. Que sejam já, sem delongas, e vamos dar a estes marginais o que eles merecem. Como Vossa Excelência bem pode ver no "Site" Militar, já temos vários militares da Ativa se declarando de esquerda, ou, em miúdos, se dizendo ao lado de Lula e da quadrilha deste. Pelo fato destes militares terem tendência para a esquerda, eu, sinceramente, não vejo nada errado, pois, tendências são tendências e decorrem da própria natureza. No entanto, dizerem, como estão a escreverem no site militar que, caso nós, de centro e de direita (estes, segundo o dito militar, são cretinos)nos manifestarmos contra este maldito desgoverno capitaneado pela guerrilheira, haverá balas em nossa direção e ele será um dos primeiros a atirar, creio que estamos no fundo do poço. Então, veja em que pé estamos, e os bons Oficiais da Ativa nada fazem. Espero, que pessoas como este militar de esquerda, abusado, sejam os primeiros a irem para a cadeia. Paulo
#11 José Mário Martins 03-11-2015 22:15
Eu, cidadão civil, estou do lado do bem.

..."Ou ficar a pátria livre
Ou morrer pelo Brasil."
#10 Celso Anaruma 03-11-2015 19:23
Os militares das FFAA não podem perder a credibilidade e a confiança que os brasileiros depositaram nelas. O General Mourão tem de ser prestigiado por todos nos. Ele apenas foi o porta voz de milhões de brasileiro que pensam isso e coisas muito piores da classe politica brasileira. Parabéns pelo artigo.
#9 FRANCISCO OTAVO LIMA 03-11-2015 19:20
INTERVENÇÃO JÁ!
#8 Ptolomeu Quinto Epif 03-11-2015 19:13
Com todo o respeito, Sr. Brigadeiro. Reserva e nada é, exatamente, a mesma coisa.
Nada de força. A sociedade não aceita mais isso.
Tudo pode ser resolvido através do voto. Este, sim, é o maior exemplo de democracia.
Anos 60 e 70 NUNCA MAIS!!!!!
#7 maria de fatima 03-11-2015 18:28
Parabéns, Brigadeiro!
A nação clama por justiça!
#6 OFATVSIPSUPEROP 03-11-2015 18:13
Concordamos plenamente com "Vossa Excelência" - que, vivam os Gen Ex MOURÃO, Almirantes e Brigadeiros (...) Os pássaros? Eles todos passarão (...) E nós passarinhos??? Isto, serve para unir ainda mais as FFAA - FORÇA! FORÇA! - O Brasil sempre acima de tudo - O CABU nos deixou um grande exemplo (...)
#5 augusto cesar coimbr 03-11-2015 17:20
Caro Brigadeiro ........o senhor andava sumido ..ainda bem que voltou
#4 Robson Merola 03-11-2015 16:24
Prezado Brigadeiro Ercio Braga,
Com sua permissão faço minhas as suas pungentes e verdadeiras palavras. Os brasileiros estão lentamente despertando de sua letargia. E conduzidos por lideranças patrióticas recolocarão nosso país nos trilhos da honestidade, ética, decoro e desenvolvimento .
#3 Fernando Fernandes 03-11-2015 15:09
Surpreende-me as palavras sábias e sinceras do Brigadeiro Ercio Braga.
Não o conheço Brigadeiro, mas o parabenizo por dizer verdades.
Apesar de civil muito admiro e respeito as nossas Forças Armadas.
#2 Carlos I.S.Azambuja 03-11-2015 14:17
A chapa está esquentando! Assino em baixo!
#1 Carlos I.S.Azambuja 03-11-2015 12:44
Assino em baixo! Com toda a força!
Adicionar comentário