Absurdo
Imaginem os amigos que, meu pai, Maximiano Fonseca, aparece na lista de responsáveis por crimes de tortura durante o regime militar, elaborada por essa abjeta comissão da "inverdade", que se nega a investigar, também, os assassinatos terroristas. Logo ele, que foi demitido do cargo de MM por ter se manifestado abertamente favorável às eleições diretas! Para onde estamos indo !! Na família, estamos analisando a melhor medida a ser tomada, pois alguma coisa será preciso fazer. Penso que também o Clube Naval e a própria MB não podem ficar calados. Integram a lista todos os MM, até o AE Karam. Enquanto isso, aqueles/as terroristas que mataram em nome da utopia totalitária, fiéis ao princípio de que os fins justificam os meios, roubam abertamente uma nação incapaz de se indignar.
Abraço.
Palmer.

Comments powered by CComment