Edward Ernest Tito Otto Maximilian Von Westernhagen - Major do Exército Alemão, a 46 anos atrás, no dia de hoje,  1 de Julho de 1968 (6 meses antes da assinatura do AI-5) foi assassinado no Rio de Janeiro, onde fazia o Curso da Escola de Comando e Estado Maior do Exército, na rua Engenheiro Duarte, Gávea, por ter sido confundido com o major boliviano Gary Prado, suposto matador de Che Guevara, que também cursava a mesma Escola.

Autores do assassinato: Severino Viana Callou, João Lucas Alves e Amilcar Baiardi, todos da organização terrorista denominada COLINA - Comando de Libertação Nacional.
João Lucas Alves, ex-sargento da Aeronáutica, na época se homiziava em Belo Horizonte, era instrutor de tiro de Dilma e dormia  no apartamento em que viviam a então militante do COLINA DILMA VANA ROUSSEFF LINHARES, codinomes “Vanda”, “Estela”, "Luiza" e "Patrícia" e seu marido , na época, Cláudio Galeno.
Será que a Comissão da Verdade sabe disso?

Leia mais sobre o assunto aqui: 
1- http://www.averdadesufocada.com/index.php/vale-a-pena-ler-de-novo-especial-86/3300-2305-o-terceiro-militante-

2- http://www.averdadesufocada.com/index.php/vale-a-pena-ler-de-novo-especial-86/4017-1810-vida-clandestina-de-dilma-rousseff-1-parte-vale-a-pena-ler-de-novo-

Comentários   
#1 Domenico 03-07-2014 23:29
A CNV só engana aqueles que não conhecem a verdadeira história ou que não se interessam em conhecê-la.
Adicionar comentário