Maria do Rosário, descontrolada como nunca, tenta encenar agressão de deputados do PSL 
Jornal da cidade - 16/05/2019 
Nesta quarta-feira (15), a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS), mais uma vez, provocou tumulto no plenário da Câmara do Deputados

Funcionários contaram que divisórias, portas e vidraças tremeram com impacto; artefato havia sido colocado na cesta de lixo do banheiro
José Maria Tomazela - Estadão -  Portal Terra - 05/06/2018
Uma bomba de fabricação caseira explodiu, nesta quarta-feira, 5, no prédio da prefeitura de Taubaté, no Vale do Paraíba, interior de São Paulo. Duas pessoas ficaram feridas ao serem atingidas por estilhaços. O prédio, conhecido como Palácio do Bom Conselho, foi evacuado e o expediente foi suspenso à tarde.
A área do entorno também foi isolada. Policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da Polícia Militar realizaram uma varredura nas instalações e recolheram amostras dos explosivos. Ainda não se sabe a autoria do atentado.

Degradada por sucessivos governadores, Brasília se tornou um triste retrato do Brasil
 Tribuna da Internet - José Antonio Perez
Brasília cresceu, envelheceu e se degradou muito rapidamente
O jornalista Vicente Limongi tem toda a razão quando diz que Brasília envelheceu muito rapidamente e hoje tem todos os problemas de uma grande cidade como as outras, com o agravamento de não haver indústrias por aqui (empregos de qualidade e em grande número). E Brasília não era para ser uma cidade qualquer… Sucessivos governantes estragaram a cidade “nas barbas” dos presidentes de plantão, que se omitiram sem nenhuma providência tendo sido efetivamente tomada!Nenhum presidente depois de Juscelino Kubitschek teve amor pela cidade e por isso nenhum deles se importou com as atitudes absurdas que literalmente destruíram e inviabilizaram a capital. Na era FHC, por exemplo, transformaram a Esplanada dos Ministérios em atalho para cidades satélites, após a construção de uma nova ponte, e até os vidros do Palácio do Planalto tiveram que ser trocados em função disso.