Imprimir
Categoria: Diversos
Acessos: 3336
General-de-Exército Enzo Martins Peri

Meus amigos,
como dizia o Barão de Itararé, nos céus existem fatos novos, além dos aviões de carreira.

O novo Comandante do Exército, avisou aos seus subordinados que não faria comemorações relativas ao 31 de março, mas autorizou a todos que o fizessem.


Texto completo


Em conseqüência, o Diretor da SEF, Gen Paulo Cezar Castro, que irá assumir o DEP, organizou uma cerimônia alusiva à data, convidando para serem homenageados todos os oficiais que participaram da luta armada nos idos da revolução, residentes em Brasília. Foi uma cerimônia tocante. Vimos ali os velhos companheiros, por tanto tempo esquecidos, alguns já trôpegos, mas conservando a altivez dos que se orgulham de serem brasileiros e homens de coragem e vergonha na cara. Deu gosto, ver os jovens soldados e soldadas, com o olhar brilhante, encarar nos olhos, os velhos que lhes garantiram o direito de serem livres e soberanos. Lhes digo que, há muito, não comparecia a solenidades militares, até por vergonha de ver nossas medalhas distribuídas, como moedas de troca, a pessoas sem a menos condição moral de recebê-las. Mudei de idéia, pelo menos por enquanto. Dou um crédito de confiança ao nosso novo Chefe. Tomara que eu possa continuar a grafar essa palavra com C maiúsculo.
 
Um grande abraço
Fonseca