PEÇO A TODOS QUE LEREM ESTA CARTA QUE A COMPARTILHEM, PRECISAMOS DIVULGAR A REVOLTA DO POVO CONTRA OS BANDIDOS QUE DESTROEM NOSSO PAÍS.
ELIANE MACARINI
ESSA É UMA CARTA ABERTA AO POVO BRASILEIRO, AOS SENHORES POLÍTICOS, AOS MAGISTRADOS, AS FORÇAS ARMADAS E A QUEM MAIS DE DIREITO E DEVER, CONSEGUIR LER E REPASSAR SEM MEDO, ESCRITA DE PRÓPRIO PUNHO, POR UMA CIDADÃ BRASILEIRA QUE TEME NÃO HAVER MAIS BRASIL PARA SEUS NETOS.

Eu quero falar como brasileira, como cidadã deste país maravilhoso, uma terra próspera e abençoada, localizada num ponto privilegiado deste globo, o planeta Terra.
Eu quero falar como mãe de três filhos, pessoas íntegras, trabalhadoras e que foram criadas para enxergar o mundo com olhos honestos e amorosos. Pessoas que lutam diariamente por seu sustento e educação, que não aceitam nada mais e nada menos do que o seu trabalho pode comprar.
Eu quero falar como avó, de cinco netos, crianças maravilhosas, ativas e amorosas, que procuramos educar dentro de conceitos de direito e dever para consigo mesmas e para com a sociedade, na qual vivem.

 Eu quero falar como pessoa que hoje está muito triste, uma tristeza que beira à revolta, sentimento que não enobrece ninguém, mas estou aqui sentindo isso. Estou envergonhada dos políticos que tomaram de assalto as nossas casas públicas, que roubam, corrompem, colocam a sua dignidade num leilão de valores astronômicos, valores esses que deveriam estar sendo aplicados para o bem estar da população brasileira.


Valores que são arrecadados numa crescente exploração através de impostos indevidos e injustificados, impostos sobre impostos, impostos de impostos, que vão engordar as contas dos partidos corruptos e os cofres dos ladrões sem nenhuma dignidade.
Valores que são desviados dos cofres públicos e compram mansões vergonhosamente abastecidas no luxo, custeiam viagens para bandidos e seus familiares, joias fabulosas, contas polpudas escondidas em paraísos fiscais.
Enquanto isso o povo morre sem assistência médica, em hospitais mal equipados, em postos de saúde sujos e contaminados, enquanto lotes de vacina e de remédios são negados aos doentes. Enquanto a segurança pública está relegada ao mínimo, colocando em risco a vida daqueles que se predispõe a proteger a população, por falta de material de trabalho. Enquanto isso a educação está a cada dia mais carente de renovação no quadro funcional, nos prédios desgastados e mal construídos, atolada em novas e novas regras que apenas destroem a oportunidade de nossos jovens cidadãos.
O Brasil está atolado na esbórnia da corrupção e da roubalheira!
Enquanto uns lutam para limpar essa sujeira toda, outros escondidos em togas e palavreado chulo de moral verdadeira destrói o trabalho de moralização, iniciado com muito trabalho e luta pelo povo brasileiro. Estou falando sim, do STF, Supremo Tribunal Federal, aquele que tem como função principal ser o guardião da Constituição Federal de 1988.
E o que estamos presenciando nos últimos tempos? Um desfile de desmandos e da falsa moral, percebemos claramente um pacto sinistro com o mal que anda destruindo o Brasil e seu povo. Onde estaremos amanhã? Se nem mesmo podemos confiar na mais alta corte de justiça de nosso país?
O que será do brasileiro órfão de justiça e de modelos de alta moral? O que será de nossos filhos? O que será de nossos netos?
Qual o legado que estamos deixando para eles? A certeza que a honestidade e a dignidade do ser consciente de seus deveres e direitos é uma fraude?
O que posso responder a uma criança de nove anos que me pergunta por que estamos permitindo que eles façam tanta maldade com a nossa gente?
Estou chorando de vergonha, não de ser brasileira, mas de ter permitido que as coisas chegassem a esse ponto tão dramático e de desesperança!
Fico aqui pensando se esses meliantes engravatados, que assaltaram as casas públicas, ou os entogados não percebem que são assassinos em série, que devido a sua conduta escabrosa milhares morrem todos os dias, enquanto eles apalpam os bolsos, envaidecidos de sua esperteza fraudulenta.
O que estão ensinando a seus descendentes? Que ser bandido é o tchan da moda do momento?
Até quando o Brasil irá sobreviver a isso? Não temos mais tempo, há lá fora, mais de quatorze milhões de pessoas desempregadas, que estão passando necessidades básicas, que tentam sobreviver com o mínimo e lutam por continuar a ser honestos, dignos, respeitosos.
O que mais irá acontecer? Vamos precisar de uma guerra civil, de intervenção militar ou mesmo internacional?
Os bandidos presos a duras penas estão sendo libertados pelo STF, um a um... ontem foi José Dirceu, um meliante metido em tudo quanto é roubalheira que teve acesso dentro de nossas casas públicas, hoje já deve começar a gozar dos lucros usurpados do povo brasileiro, vai ter festa regada a caviar e champagne, enquanto o povo passa fome.
Estou brava demais e todo o povo brasileiro deveria sentir-se assim também, estão nos fazendo de palhaço e sem remuneração, pagamos por sua festa e por dança em cima de nossos cadáveres.
É ISSO MESMO BRASIL?
Enviado do meu iPad

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar