29/03 - Feitos do governo militar

 Pela editoria do site www.averdadesufocada.com

  
  Presidente Humberto Castello Branco
         15/04/1964 a 15/03/1967
Está mais do que confirmado, inclusive por alguns participantes da luta armada, que a verdadeira intenção dos "resistentes", como alguns se intitulam, não era, apenas, derrubar o regime militar e sim implantar uma ditadura marxista-lenista. Se os militares não tivessem desfechado a Contra-Revolução em 1964,  uma  ditadura comunista estaria implantada no Brasil e estaríamos, até hoje, subjugados a um modelo ditatorial comunista, semelhante ao cubano, ou, no mínimo, estaríamos como a Colômbia, lutando, há mais de 40 anos,  contra uma guerrilha semelhante a que é mantida pelas Farc. Essa verdade não é revelada...

 Nega-se também que  a base do desenvolvimento do  país,  a infra-estrutura de hoje, foi criada e implantada durante o regime militar. 
Aproveitando o 46º aniversário da Contra -Revolução vamos relembrar algumas realizações do governo militar:
- Restabelecimento da autoridade por 21 anos;
- Criação de 13 milhões de empregos;
- A Petrobrás aumentou a produção de 75 mil para 750 mil
 
       Presidente  Arthur da Costa e Silva
           15/03/1967 a 31/08/1969
barris/dia de petróleo;
- Estruturação das grandes construtoras nacionais;
- Crescimento do PIB de 14%;
- Construção de 4 portos e recuperação de outros 20;
- Criação da Eletrobrás;
- Implantação do Programa Nuclear;
- Criação da Nuclebrás e subsidiárias;
- Criação da Embratel e Telebrás (antes, não havia 'orelhões' nas ruas nem se falava por telefone entre os Estados);
- Construção das Usinas Angra I e Angra II;
- Desenvolvimento das Industrias Aeronáutica e Naval (em 1971 o Brasil foi o 2º maior construtor de navios do mundo);
- Implantação do Pró-álcool em 1976 (em 1982, 95% dos carros no país rodavam a álcool);
- Construção das maiores hidrelétricas do MUNDO: Tucuruí, Ilha Solteira, Jupiá e Itaipú;
- Brutal incremento das exportações, que cresceram de 1,5 bilhões de dólares para 37 bilhões; o país ficou menos   dependente do café, cujo valor das exportações passou de mais de 60% para menos de 20% do total;
- Rede de rodovias asfaltadas, que passou de 3 mil para 45 mil km;
- Redução da inflação galopante com a criação da Correção Monetária, sem controle de preços e sem massacre do funcionalismo público;
- Fomento e financimento de pesquisa: CNPq, FINEP e CAPES;
  
 Presidente Emílio Garrastazu Médici
       30/10/1969 a 15/04/1974
- Aumento dos cursos de mestrado e doutorado;
- INPS, IAPAS, DATAPREV, LBA, FUNABEM;
- Criação do FUNRURAL - a previdência para os cidadãos do campo;
- Programa de merenda escolar e alimentação do trabalhador;
- Criação do FGTS, PIS, PASEP; (**)
- Criação da EMBRAPA (70 milhões de toneladas de grãos); (**)
- Duplicação da rodovia Rio-Juiz de Fora;
- Criação da EBTU;
- Implementação do Metrô em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife e Fortaleza;
- Criação da INFRAERO, proporcionando a criação e modernização dos aeroportos brasileiros (Galeão, Guarulhos, Brasília, Confins, Campinas - Viracopos, Salvador, Manaus);
- Implementação dos Pólos Petroquímicos em São Paulo (Cubatão) e na Bahia (Camaçari);
- Investimentos na prospecção de petróleo no fundo do mar que redundaram na descoberta da bacia de Campos em 1976;
- Construção do Porto de Itaquí e do terminal de minério da Ponta da Madeira, na Ilha de S. Luís, no Maranhão;
- Construção dos maiores estádios, ginásios, conjuntos aquáticos e complexos desportivos em diversas cidades e universidades do país;
  

              Presidente Ernesto Geisel
              15/03/1974 a 15/03/1979


- Promulgação do 'Estatuto da Terra', com o início da Reforma Agrária pacífica;
- Polícia Federal;
- Código Tributário Nacional;
- Código de Mineração;
- Implantação e desenvolvimento da Zona Franca de Manaus;
- IBDF - Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal;
- Conselho Nacional de Poluição Ambiental;
- Reforma do TCU;
- Estatuto do Magistério Superior;
- INDA - Instituto de Desenvolvimento Agrário;
- Criação do Banco Central (DEZ 64);
- SFH - Sistema Financeiro de Habitação;
- BNH - Banco Nacional de Habitação; (***)
- Construção de 4 milhões de moradias;
- Regulamentação do 13º salário;
- Banco da Amazônia;
- SUDAM;
- Reforma Administrativa, Agrária, Bancária, Eleitoral, Habitacional, Política e Universitária;
- Ferrovia da soja;
- Rede Ferroviária ampliada de 3 mil e remodelada para 11 mil Km;
  
 Pres João Baptista de Oliveira
 Figueiredo -
15/03/1979 a 15/03/1985
- Frota mercante de 1 para 4 milhões de TDW;
- Corredores de exportações de Vitória, Santos, Paranaguá e Rio Grande;
- Matrículas do ensino superior de 100 mil em 1964 para 1,3 milhões em 1981;
- Mais de 10 milhões de estudantes nas escolas (que eram realmente escolas);
- Estabelecimentos de assistência médico sanitária de 6 para 28 mil;
- Crédito Educativo;
- Projeto RONDON;
- MOBRAL;
- Abertura da Transamazônica com instalação de agrovilas;
- Asfaltamento da rodovia Belém-Brasília;
- Construção da usina hidrelétrica de Boa Esperança, no Rio Parnaíba;
- Construção da Ferrovia do Aço (de Belo Horizonte a Volta Redonda);
- Construção da Ponte Rio-Niterói;
- Construção da rodovia Rio-Santos (BR 101); e
Compartilhe
 

Comentários   

 
0 #78 Helio R Valentim d-m-Y H:i
Fui universitário de 1976 a 1981. Me formei com o Credito Educativo. Naquela época havia respeito e descência. Só tenho a agradecer aos militares e torcer para que hoje, assumam suas responsabilidad es constitucionais e novamente nos livrem desses comunistas que estão terminando de destruir o Brasil.
Citar
 
 
0 #77 Nelson Ferreira d-m-Y H:i
Eu era criança em 1964 e tambem contra os militares, porem, em 1970 fui servir ao exército onde permaneci co mo enganjado por 3 anos e neste tempo pude observar a maneira correta e sem corrupção acompanhada do progresso, também só vi prisões de terroristas, comunistas e assaltantes de bancos. Qualquer cidadão podia sair na rua a noite com sua familia sem ser assaltados, mortos ou estuprados. Entao esta é a diferença do Regime Militar pelo Regime do PT
Citar
 
 
+1 #76 ednaizidro d-m-Y H:i
GENTE por deus ou os MILITRES volta ou nós vamos sofrer muito nas MAÕS destes canalhas que até hoje só afundou o BRASIL SOU da época dos militares NADA á reclamar só á AGRADECER
Citar
 
 
+5 #75 alfredo m gonçalez d-m-Y H:i
Pois deveria existir um partido com a bandeira militar onde o candidato era militar de fixa limpa e escolhido pelos militares com certeza hoje era eleito no primeiro turno obs se os miltares fica-se um pouco mai não haveria essas escorias de maus políticos em todos os partidos inclusive no PT
Citar
 
 
+7 #74 Tiosambrasil d-m-Y H:i
Viví o regime militar, conhecí a revolta, não me lembro de barbaridades como acontece hoje em dia nos governos do PT. Naquela época se vivia uma vida normal pra quem agia de acordo com a lei. A bandidagem e as drogas eram combatidas com rigidez. oje está tudo deturpado
Citar
 
 
+4 #73 Lésio Martins Anusz d-m-Y H:i
Para quem estudava, trabalhava não tinha problema só para quem era fora da lei. Plantei na época " Plante que João garante" e tive sucesso.
Citar
 
 
+7 #72 Luiz Cunha d-m-Y H:i
Para que os militares possam voltar a guiar nossa nação, precisamos que o povo saia às ruas e peça... Com cartazes, passeatas e nas redes sociais!!

Obrigado FFAA!!
Citar
 
 
+9 #71 Mauricio Alves d-m-Y H:i
As forças Armadas BRASILEIRAS precisam retomar tudo que está sendo paralisado no País , não podemos continuar aceitando o que está acontecendo
Citar
 
 
+8 #70 carlos roberto santo d-m-Y H:i
Nasci em 1945, cursava direito na USP no regime militar,fui militante de movimento estudantil,part icipei de enfrentamentos armados,vigente morrer dos dois lados, tanto os "milicos" quanto nós os "revolucionário s" torturamos e matamos pessoas. Mas depois de tudo passado e vendo a verdade dos fatos, posso garantir que nós os "revolucionário s" eramos apenas fantoches nas mãos de agentes infiltrados com o objetivo de implantar um regime ditatorial.
Citar
 
 
+16 #69 Wilson Castilho d-m-Y H:i
Quem viveu e cresceu na época do Regime Militar,sabe o quanto o Brasil evoluiu naqueles tempos, tanto em tecnologia como em qualidade de vida. Naquela época muita gente ficava rica TRABALHANDO e não ROUBANDO como fazem esses comunistas do poder atual.
Citar
 

Adicionar comentário


Cdigo de segurana
Atualizar