Pela editoria do site www.averdadesufocada.com

  
  Presidente Humberto Castello Branco
         15/04/1964 a 15/03/1967
Está mais do que confirmado, inclusive por alguns participantes da luta armada, que a verdadeira intenção dos "resistentes", como alguns se intitulam, não era, apenas, derrubar o regime militar e sim implantar uma ditadura marxista-lenista. Se os militares não tivessem desfechado a Contra-Revolução em 1964,  uma  ditadura comunista estaria implantada no Brasil e estaríamos, até hoje, subjugados a um modelo ditatorial comunista, semelhante ao cubano, ou, no mínimo, estaríamos como a Colômbia, lutando, há mais de 40 anos,  contra uma guerrilha semelhante a que é mantida pelas Farc. Essa verdade não é revelada...

 Nega-se também que  a base do desenvolvimento do  país,  a infra-estrutura de hoje, foi criada e implantada durante o regime militar. 
Aproveitando o 46º aniversário da Contra -Revolução vamos relembrar algumas realizações do governo militar:
- Restabelecimento da autoridade por 21 anos;
- Criação de 13 milhões de empregos;
- A Petrobrás aumentou a produção de 75 mil para 750 mil
 
       Presidente  Arthur da Costa e Silva
           15/03/1967 a 31/08/1969
barris/dia de petróleo;
- Estruturação das grandes construtoras nacionais;
- Crescimento do PIB de 14%;
- Construção de 4 portos e recuperação de outros 20;
- Criação da Eletrobrás;
- Implantação do Programa Nuclear;
- Criação da Nuclebrás e subsidiárias;
- Criação da Embratel e Telebrás (antes, não havia 'orelhões' nas ruas nem se falava por telefone entre os Estados);
- Construção das Usinas Angra I e Angra II;
- Desenvolvimento das Industrias Aeronáutica e Naval (em 1971 o Brasil foi o 2º maior construtor de navios do mundo);
- Implantação do Pró-álcool em 1976 (em 1982, 95% dos carros no país rodavam a álcool);
- Construção das maiores hidrelétricas do MUNDO: Tucuruí, Ilha Solteira, Jupiá e Itaipú;
- Brutal incremento das exportações, que cresceram de 1,5 bilhões de dólares para 37 bilhões; o país ficou menos   dependente do café, cujo valor das exportações passou de mais de 60% para menos de 20% do total;
- Rede de rodovias asfaltadas, que passou de 3 mil para 45 mil km;
- Redução da inflação galopante com a criação da Correção Monetária, sem controle de preços e sem massacre do funcionalismo público;
- Fomento e financimento de pesquisa: CNPq, FINEP e CAPES;
  
 Presidente Emílio Garrastazu Médici
       30/10/1969 a 15/04/1974
- Aumento dos cursos de mestrado e doutorado;
- INPS, IAPAS, DATAPREV, LBA, FUNABEM;
- Criação do FUNRURAL - a previdência para os cidadãos do campo;
- Programa de merenda escolar e alimentação do trabalhador;
- Criação do FGTS, PIS, PASEP; (**)
- Criação da EMBRAPA (70 milhões de toneladas de grãos); (**)
- Duplicação da rodovia Rio-Juiz de Fora;
- Criação da EBTU;
- Implementação do Metrô em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife e Fortaleza;
- Criação da INFRAERO, proporcionando a criação e modernização dos aeroportos brasileiros (Galeão, Guarulhos, Brasília, Confins, Campinas - Viracopos, Salvador, Manaus);
- Implementação dos Pólos Petroquímicos em São Paulo (Cubatão) e na Bahia (Camaçari);
- Investimentos na prospecção de petróleo no fundo do mar que redundaram na descoberta da bacia de Campos em 1976;
- Construção do Porto de Itaquí e do terminal de minério da Ponta da Madeira, na Ilha de S. Luís, no Maranhão;
- Construção dos maiores estádios, ginásios, conjuntos aquáticos e complexos desportivos em diversas cidades e universidades do país;
  

              Presidente Ernesto Geisel
              15/03/1974 a 15/03/1979


- Promulgação do 'Estatuto da Terra', com o início da Reforma Agrária pacífica;
- Polícia Federal;
- Código Tributário Nacional;
- Código de Mineração;
- Implantação e desenvolvimento da Zona Franca de Manaus;
- IBDF - Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal;
- Conselho Nacional de Poluição Ambiental;
- Reforma do TCU;
- Estatuto do Magistério Superior;
- INDA - Instituto de Desenvolvimento Agrário;
- Criação do Banco Central (DEZ 64);
- SFH - Sistema Financeiro de Habitação;
- BNH - Banco Nacional de Habitação; (***)
- Construção de 4 milhões de moradias;
- Regulamentação do 13º salário;
- Banco da Amazônia;
- SUDAM;
- Reforma Administrativa, Agrária, Bancária, Eleitoral, Habitacional, Política e Universitária;
- Ferrovia da soja;
- Rede Ferroviária ampliada de 3 mil e remodelada para 11 mil Km;
  
 Pres João Baptista de Oliveira
 Figueiredo -
15/03/1979 a 15/03/1985
- Frota mercante de 1 para 4 milhões de TDW;
- Corredores de exportações de Vitória, Santos, Paranaguá e Rio Grande;
- Matrículas do ensino superior de 100 mil em 1964 para 1,3 milhões em 1981;
- Mais de 10 milhões de estudantes nas escolas (que eram realmente escolas);
- Estabelecimentos de assistência médico sanitária de 6 para 28 mil;
- Crédito Educativo;
- Projeto RONDON;
- MOBRAL;
- Abertura da Transamazônica com instalação de agrovilas;
- Asfaltamento da rodovia Belém-Brasília;
- Construção da usina hidrelétrica de Boa Esperança, no Rio Parnaíba;
- Construção da Ferrovia do Aço (de Belo Horizonte a Volta Redonda);
- Construção da Ponte Rio-Niterói;
- Construção da rodovia Rio-Santos (BR 101); e

Comentários  

+3 #125 Cláudio Fortes Carpe 10-04-2016 11:32
Havia muita serenidade, no fazer, e os fatos não ocorriam porque havia presença ostensiva-preve ntiva, no resguardo de patrimônios, como a Vida e Material...
+8 #124 Cláudio Fortes Carpe 10-04-2016 11:29
[quote name="José Francisco Perei"]Tinha 14 anos quando o militar assumiu o poder desta tão amada pátria, vivi toda trajetória destes tão valorosos homens verdadeiros patriotas. Jamais tinha visto no Brasil tanta falta de vergonha de um presidente em declarar que esta é uma pátria educadora, tenho recordação de quando precisei do INAMPS, sempre existia médicos a nosso dispor, estudava e jamais me ensinaram que eu deveria matar para sobreviver ou por safadeza. Esses bandidos do PT não são nada de valor diante de grandes homens como os nossos militares do passado, esses militares atuais estão esperando o quê? Que o safado do Lula assuma como ditador comunista? Toma cárater de homem senhores atuais militares e defenda a e fui Escoteiro Júnior, em Marechal Hermes, e senti na disciplina o valor, do que é seguir OS QUE TENTAVAM CRIAR FATOS NOCIVOS ERAM BARRADOS, E OS FATOS ERRÔNEOS NÃO OCORRIAM, ORQUE HAVIA A PRESENÇA MILITAR, NA HORA CERTA...cfc...
+2 #123 Cláudio Fortes Carpe 10-04-2016 11:22
Então vamos a mais uma etapa do que iniciaram em 1964... Sem Disciplina e Patriotismo, não há Democracia verdadeira...
+3 #122 Carmen Paluch 31-03-2016 10:26
Bom dia

Também vivi na era militar e agradeço muito por isso, fiz faculdade com crédito educativo, e vi muitas coisas boas feitas por ele...
Tinha inflação, mas em contrapartida tinhamos reajustes mensais referente a reposição de inflação...hoje o aumento é minimo pois dizem que não tem inflação..e vemos nosso dinheira a cada dia ficar mais curto
+3 #121 Wagner Alves 30-03-2016 21:02
Em vez de ficar de conversa fiada sobre se os generais saíram com altos salários ou não, poderiam apresentar provas sobre tal, senão ficamos nesse jogo de meras especulações, também porque pelo que me consta, o General Figueiredo, por exemplo, morreu em miséria, tendo se ser ajudado por colegas em seus tratamentos e últimos dias.
-10 #120 Geraldo Lobo 26-03-2016 20:25
Todos os presidentes saíram bem de vida com salários altíssimos e aposentadorias dobradas, de General de Exército ou Marechal as mais altas em termos financeiros e de presidente Milico não prega prego com estopa! Portanto, não inventem as coisas de que ignoram!!!
+6 #119 Marcos Borkowski 16-03-2016 12:47
Citando Romeu:
Há que se observar que todos os presidentes militares morreram pobres ou do mesmo jeito que quando assumiram a presidência, ao contrário do que ocorre hoje que, em apenas 4 anos o presidente pode sair milionário.


O povo, em sua enorme maioria, colhe exatamente o que planta, um ditado popular que nunca esteve tão em voga.
+7 #118 Romeu 15-03-2016 10:44
Há que se observar que todos os presidentes militares morreram pobres ou do mesmo jeito que quando assumiram a presidência, ao contrário do que ocorre hoje que, em apenas 4 anos o presidente pode sair milionário.
+6 #117 José Francisco Perei 09-03-2016 17:13
Tinha 14 anos quando o militar assumiu o poder desta tão amada pátria, vivi toda trajetória destes tão valorosos homens verdadeiros patriotas. Jamais tinha visto no Brasil tanta falta de vergonha de um presidente em declarar que esta é uma pátria educadora, tenho recordação de quando precisei do INAMPS, sempre existia médicos a nosso dispor, estudava e jamais me ensinaram que eu deveria matar para sobreviver ou por safadeza. Esses bandidos do PT não são nada de valor diante de grandes homens como os nossos militares do passado, esses militares atuais estão esperando o quê? Que o safado do Lula assuma como ditador comunista? Toma cárater de homem senhores atuais militares e defenda a nossa pátria.
+10 #116 Valdir Carvalho 08-03-2016 21:25
Fui estudante de 1970 a 1974, graças ao PROJETO GINÁSIO BANDEIRANTE, criado no Governo Militar. Sem o mesmo, não teria me formado, por falta de base. Sou professor...E o que vou fazer agora? Vou escrever todas as obras do Governo Militar e, colocar para amostra, no mural de minha escola! E espero que não venham me impedir de fazer isso!

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar